Como escolher um netbook bom e barato

Eu passei uma boa parte da minha vida fazendo comentários para uma enorme variedade de produtos de tecnologia. Todos estes anos de experiência me ajudaram a encontrar alguns dos melhores produtos disponíveis no mercado e às vezes até mesmo experimentá-los por um tempo.

Recentemente eu joguei ao redor com a última variante do netbook Asus VX6 Lamborghini e fiquei impressionado com a quantidade de energia que o pessoal da Asus conseguiu espremer nesse pequeno fator de forma.

Se você procura por notebooks bons e baratos ao invés de netbooks, vamos falar disso em outro artigo. Por enquanto, clique no link recomendado e veja as informações.

Mercado de netbooks está em baixa?

netbooks-bons-e-baratos

Agora, o mercado está cheio de netbooks grande e escolher um netbook rápido e barato é difícil. Eu sempre poderia dizer apenas olhar para um barato e, em seguida, começar a subir com as especificações até que você bateu um preço que você não deseja pagar.

Esta seria uma maneira de abordar a questão e às vezes ele vai te fazer o trabalho feito, mas infelizmente, há outras coisas a considerar também. Para começar, você deve pensar sobre o que você vai usá-lo para.

Porque um netbook com grande desempenho?

Eu entendo a necessidade de escolher um netbook poderoso, mas ao mesmo tempo, minha pergunta é, quanto poder você precisa? Se você quer bom desempenho em jogos e ao mesmo tempo a vida útil da bateria de um netbook, você pode querer considerar comprar um notebook em vez disso.

Há alguns elementos que virão a calhar quando se trata de perceber o quão rapidamente um netbook vai mudar em torno de menus, aplicações e navegação na web bom, antiquado. Para começar, pense no processador que você gostaria de ir para.

O AMD E-Series é muito poderoso e é um APU, o que significa que você vai ter um GPU bastante poderoso construído na CPU. Combine isso com 4 GB de RAM e você pode acabar com uma configuração que é poderosa e eficiente.

“Quero mais que isso”

No caso da E-Series não é suficiente, netbooks vêm com processadores Intel também é nova série Atom consegue combinar poder e portabilidade de uma forma bonita. Esses netbooks têm toneladas de energia, mas o preço ainda não supera a marca de US $ 500 se você olhar ao redor o suficiente.

Outra forma de aumentar o desempenho está procurando modelos que usam HDDs híbridos. Isso significa que o disco rígido é tão normal quanto é possível, mas ao mesmo tempo, ele vem com uma parte que usa memória flash, que por sua vez deve aumentar o seu tempo de carregamento. Não só isso, mas ir para um modelo que suporta mais memória RAM ou navios diretamente com mais memória RAM pode poupar muito dinheiro, uma vez que a RAM é barata, mas não acumular quando você placa de vídeo usá-lo para a memória gráfica e vai ajudar o seu netbook carregar aplicativos mais rapidamente.

Há toneladas destes pequenos truques, por isso certifique-se de navegar através de várias lojas de varejo e em primeiro lugar, descobrir o que você vai usá-lo para. Aprender a usar o Linux é outra ótima maneira de economizar dinheiro, uma vez que esta maneira ao redor, você não tem que pagar por uma licença de janela.

O amor do brasileiro pelo futebol – Você Sabia?

Com duas bolas na bagagem, Miller voltou disposto a difundir o esporte que aprendera na Grã-Bretanha: o Football. A comunidade inglesa que vivia em São Paulo e Rio de Janeiro tinha como principal prática esportiva o jogo de Cricket praticado em clubes como o Paissandu Cricket Club e o Rio Cricket no Rio de Janeiro e o São Paulo Atlethic Club, em São Paulo, clube este que Miller se associou para iniciar sua ‘missão’ de disseminar a nova modalidade.

Esses clubes tinham por característica ser frequentado apenas por ingleses e filhos de ingleses membros da elite da sociedade paulista e carioca. Charles Miller, que além de profundo conhecedor das regras do jogo era também um bom jogador, aos poucos começou a organizar pequenas partidas com os amigos em campos improvisados.

O football foi bem aceito entre a comunidade inglesa e já em 1897 sua prática foi incluída no ramo de atividades do São Paulo Atlethic Club. Brasileiros que ocupavam altos cargos em empresas como a Companhia de Gás, Banco Londres e São Paulo Railway também aderiram ao esporte que ganhava cada dia mais espaço e atraia um número maior interessados como conta Waldenyr Caldas em seu livro O Pontapé Inicial, Memória do Futebol Brasileiro.

O primeiro ‘ grande’ jogo, aquele que empolgou a plateia, foi realizado em São Paulo, em 1899, na presença de sessenta torcedores. Um número admirável, se considerarmos o quase total desconhecimento do futebol no Brasil. De um lado, estava o time formado pelos funcionários da Empresa Nobiling e do outro os ingleses da Companhia de Gás, Estrada de Ferro e Banco. No final um resultado sem novidades: vitória dos ingleses por 1 x 0. (Caldas,1990: p23)

Em seus primeiros passos, o futebol no Brasil era reconhecidamente um esporte elitizado que atribuía um diferente status a seus praticantes ao ponto de colégios nobres em São Paulo e no Rio de Janeiro sofrerem pressão de pais e alunos para a inclusão de sua prática como forma de recreação.

O futebol era requisitado cada vez mais como forma de lazer e se tornava a cada dia uma atividade mais procurada e importante. Sem se afastar de seu caráter elitista, por volta de 1900 começaram a surgir os primeiros clubes de futebol no Brasil, entre eles o The Bangu Atlethic Club, Andaraí, Fluminense e Sport Club Corinthians Paulista, além dos já tradicionais, Clube Atlético Paysandu, São Paulo Atlethic e Germânia.

Diferentemente do que viria a ser o futebol à brasileira jogado de maneira reconhecidamente diferenciada, em um primeiro momento o futebol praticado em nossos campos permanecia inglês no jogar e no falar, como pode ser visto nas palavras de Mário Filho no livro O Negro no Futebol Brasileiro.

Em campo um jogador que se prezasse tinha de falar em inglês. Ou melhor: gritar em inglês. O repertório do capitão do time, justamente quem gritava mais em campo, precisava ser vasto. (Rodrigues Filho, 1964: p.30)

O Brasil em relação aos outros

futebol-e-brasil

O Brasil, porém, não era formado apenas pela elite que até então era a única a desfrutar do novo esporte. O povo brasileiro de forma geral até o fim do século XIX não apresentava uma relação muito ampla com atividades esportivas e se encontrava em transição de uma sociedade rural a uma urbana.

Apesar da presença da capoeira que refletia um pouco do brasileiro negro, mestiço e mulato no campo das atividades físicas não havia um esporte que integrasse o ser brasileiro como viria ser o futebol.

Esportes como rúgbi e cricket além de serem restritos aos ingleses não atraíam as camadas mais populares que não tinham acesso a equipamentos e à estrutura necessária.

O futebol por sua vez parecia aos olhos curiosos do povo algo mais simples de ser entendido, já que a grosso modo o objetivo era simples: levar a bola a passar pelo retângulo de madeira, usando unicamente os pés.

Quem contribuiu para a disseminação do esporte entre camadas mais populares foi o The Bangu Atlethic Club fundado em 1904 pelos altos funcionários ingleses da Cia. Progresso Industrial do Brasil para estimular entre seus executivos a prática do Futebol como forma de lazer.

Localizado fora do centro em bairro do subúrbio carioca o Bangu encontrou um problema que contribuiu com o acesso de pessoas fora da elite ao futebol. O número de funcionário graduados que se interessavam pela prática do futebol não era suficiente para formar dois times e a solução foi buscar operários que completassem as equipes.

Era o primeiro passo para que o futebol começasse a escapar da total elitização e ganhasse novos adeptos. O Bangu, por estar à margem do centro, não despertava os interesses dos ingleses que preferiam clubes mais tradicionais como o Rio Cricket e o Paysandu, abrindo espaço para o interesse da classe operária.

Futebol para todos

futebol-para-todos

O espaço aberto pelo The Bangu para que brasileiros operários pudessem jogar serviu como estímulo para que o esporte se disseminasse entre as camadas populares. Era um caminho sem volta, a partir desse momento o futebol iniciou seu processo de democratização.

O futebol começava a se abrasileirar, clubes eram fundados em diversas cidades e os primeiros torneios começavam a ser organizados. O povo brasileiro mostrava cada vez mais empolgação com o esporte, como conta Charles Miller em carta escrita em 1904.

Há uma semana fui convidado a apitar um jogo de garotos, vinte para cada lado; mas não, eles queriam assim. Pensei, é claro, que a coisa toda seria uma bagunça, mas descobri que estava muito enganado… até para este jogo compareceram 1500 pessoas. Pelo menos duas mil bolas de futebol foram vendidas por aqui nos últimos doze meses; quase toda cidade já tem um clube. (Miller, Apud Bellos,2002, p.34)

O início da relação mais afetuosa do brasileiro com o futebol parte em duas vertentes nesse primeiro momento. A primeira delas se dava pela prática do futebol ir para além dos clubes com peladas e rachas sendo disputadas por qualquer cidadão, ora na rua, gramadas ou mesmo na praia. A pelada se tornou a brincadeira preferida dos pobres e dela começou a despontar o talento de brasileiros negros, mulatos e operários para o futebol.

O outro ponto que despertava o início da paixão entre o brasileiro e o futebol era a identificação que o público começava a ter com determinadas equipes. Ainda que os primeiros torcedores fossem também sócios dos clubes e pertencesse a mesma elite que aqueles que estavam em campo, não demorou para que o cidadão comum tivesse interesse de ver as partidas passando a simpatizar com determinado clube. Essa simpatia poderia vir pelas cores da camisa, bairro ou popularidade deixando o elitismo que os clubes representavam em segundo plano.

Um bom exemplo era o Fluminense que na época ostentava ser o mais elitizado dos clubes e nem por isso deixaria de atrair torcedores de classes mais baixas principalmente por sua sofisticação como cita Mário Filho.

O torcedor de fitinha no chapéu podia orgulhar-se dos jogadores que vestiam a camisa das três cores. Qualquer torcedor, mesmo sem fitinha, mesmo da geral. Talvez o pé-rapado sentisse até mais orgulho dos jogadores do Fluminense. O torcedor de fitinha não achando nada de extraordinário no smoking. O pé-rapado achando o smoking de uma importância capital. De um certo modo ele era Fluminense por isso mesmo, escolhera o clube mais fino para torcer por ele. Para brigar também por ele. (Rodrigues Filho, 1964: p.59)

A democratização do futebol continuava em processo com figuras como o mulato Artur Friedenreich que despontou como um dos primeiros craques de nossos gramados em meio a uma grande maioria de jogadores brancos e mais tarde com o Clube de Regatas Vasco da Gama, recém promovido a primeira divisão, se tornou o primeiro clube a conquistar o título estadual tendo negros, mulatos e analfabetos na equipe em 1923.

A derrota dos tradicionais Fluminense, Flamengo, Botafogo e América, nesse campeonato foi muito além das quatro linhas, essas equipes que lutavam para que a elitização no futebol fosse mantida assim como amadorismo tiveram que se render ao título de uma equipe formada por filhos do povo brasileiro.

O brasileiro é formado pela mistura de raças e não a toa o Vasco a partir desse ano ganhou uma legião de torcedores que se viam dentro de campo na figura dos jogadores. Mais tarde outras equipes do Rio e de São Paulo seguiram o mesmo caminho aceitando negros e mulatos em seus times estendendo suas relações com as camadas populares e tornando o futebol cada vez mais um esporte democrático, dando o direito a qualquer brasileiro de praticá-lo.

O amadorismo com o tempo foi se dissipando até que se estabeleceu o profissionalismo em 1933. A fase do esporte pelo esporte já havia passado e agora os jogadores experimentavam uma nova identidade perante a sociedade: profissionais da bola.

A essa altura a elite começava a se afastar do futebol que definitivamente deixara de ser exclusividade de uma minoria. A paixão do brasileiro pelo futebol só crescera, mas ainda levaria um tempo para que Brasil fosse conhecido como País do Futebol.

Seleção Brasileira, Paixão e Decepção

selecao-e-paixao

A partir das primeiras décadas do século XX o futebol já é o esporte mais popular de nosso país e após seu período de adaptação e democratização, em todo território nacional o esporte continuava se alastrando com o surgimento de mais clubes.

Se tem alguma coisa no futebol que consegue unir adversários, sejam eles flamenguistas ou vascaínos; corintianos ou palmeirenses é a Seleção Nacional.  Unindo o que há de melhor em cada clube forma-se aquela que vem para representar as cores de seu país.

A Seleção Brasileira de futebol teve seu início ainda em 1914 com um selecionado entre paulistas e cariocas, que enfrentaria a equipe inglesa, Exeter City. Em seu primeiro jogo nosso escrete já dava mostras de praticar um futebol diferenciado e o que se viu foi um embate entre a técnica brasileira contra o jogo duro dos ingleses.

A vitória brasileira por 2 a 0, assistida por aproximadamente 3 mil pessoas no estádio das Laranjeiras serviu para dar mostras da qualidade que o brasileiro tinha e que se confirmaria com as primeiras conquistas anos mais tarde, como a Copa Rocca vencida ainda em 1914.

Assim como amor pelos clubes cresceu com as disputas por títulos e vitórias ficando cada vez mais acirrada, a seleção brasileira começava a conquistar também seu espaço nos corações dos torcedores com os triunfos em campeonatos sul-americanos e amistosos contra outras seleções.

Os craques Artur Friedenreich nas décadas de 1910 e 1920 e a partir da década de 1930 Leônidas da Silva encantavam os torcedores com sua técnica e habilidade em campo. Habilidade aliás que é fruto da chamada ginga brasileira, característica vista com mais freqüência em jogadores negros e mulatos que traziam para o futebol um vasto repertório inventivo de dribles.

Nesse período já começava a se falar do futebol brasileiro como algo diferenciado. Passadas as Copas de 1930,1934 e 1938 sem grande sucesso de nossa seleção, a copa sofrera uma paralisação de 12 anos graças a segunda guerra mundial, o Brasil que não havia sido atingido pela guerra foi o escolhido para sediar o mundial.

A apoteose do esporte em nosso país estava sendo preparada, o clima era de exaltação a pátria e o momento era da afirmação do Brasil como uma nação capaz de realizar grandes feitos. A construção do Maracanã veio para realçar o sentimento de gigantismo de nosso país e um pensamento ufanista.

O Maracanã não poderia ser apenas mais um estádio, nasceu para ser o maior, um verdadeiro monumento, precisava ser imenso, compatível ao interesse do brasileiro pelo futebol.

O selecionado brasileiro fez sua parte jogo a jogo apresentando um futebol bonito, derrubando adversários, aplicando goleadas e mostrando ser capaz de ser o campeão do mundo.  Dessa forma chegou à grande final no dia 16 de julho de 1950. Dia esse que ficaria marcado para sempre na memória do brasileiro.

Nesse dia 200 mil pessoas lotaram o Maracanã, não havia diferença entre brancos ou negros, ricos ou pobres, naquele dia eram todos brasileiros, todos iguais. Jornais proclamavam por antecedência o Brasil como vencedor, governantes se aproveitavam para se promoverem com palavras de incentivo e exaltação, era o dia do batismo do Brasil como O país do Futebol.

O brasileiro estava embebido de paixão, paixão essa que se iniciou como o esporte da elite se transformando no esporte do povo, que percorrera o amadorismo até o profissionalismo entre campeonatos e peladas, paixão pelos clubes que agora se revertia em paixão pela nação. O Brasil estava presente naquele estádio, não só na figura dos jogadores em campo, como em cada um dos 200 mil torcedores que ali estavam e ainda dos milhões espalhados por todo país que acompanhando pelo rádio se uniam ao mesmo sentimento presente no Maracanã.  Do outro lado um Uruguai bicampeão olímpico e campeão mundial em 1930, determinado a surpreender. França abriu o placar para o Brasil, Schiaffino empatou para o Uruguai, tudo no segundo tempo. Com o empate o título ainda era brasileiro até que a 11 minutos do fim Ghiggia fez o gol que calou uma nação.

O escritor João Maximo no livro Maracanã, Meio século de paixão demonstra bem o que representou esse gol.

O gol de Ghiggia foi recebido em silêncio por todo o estádio. No entanto, sua força fora tão grande, seu impacto de tal forma violento, que o gol, um simples gol, parecia dividir a vida do brasileiro em duas fases distintas: antes e depois dele (Máximo, 2000, p. 47)

O impensável aconteceu, o Brasil perdeu a final e ainda que aquele segundo lugar fosse nosso melhor resultado em uma copa a derrota era inaceitável. A final de 1950 refletiu de forma marcante na sociedade brasileira como escreve o antropólogo Roberto DaMatta.

… é talvez a maior tragédia da história contemporânea do Brasil. Primeiro, porque implicou uma coletividade e trouxe uma visão solidária de perda de uma oportunidade histórica. Segundo, porque ocorreu no início de uma década no qual o Brasil buscava marcar o seu lugar como nação que tinha um grande destino a cumprir. O resultado foi uma busca incansável de explicações e responsabilidades para essa vergonhosa derrota. (DaMatta, Apud Bellos,2002, p.46)

O Maracanaço, como ficou conhecido essa partida, foi registrado por jornais e escritores como um verdadeiro drama de nosso futebol. Tem-se a impressão que todo um país, e não apenas uma seleção, foi vencida naquele dia. A paixão do brasileiro pelo futebol sofria ali sua primeira e maior provação.

Conclusão

Como se sabe a paixão do povo brasileiro pelo futebol suportou a provação de 1950, a perda da copa ainda que dolorosa não foi o suficiente para abalar as raízes que o futebol já havia firmado em nossa sociedade.

Apesar de marcante aquele 16 de julho de 1950 não pode ser datado de forma exclusiva como o dia em que o Brasil se tornou o País do Futebol, a relação entre o brasileiro e o futebol vem desde 1894 quando as primeiras bolas chegaram aqui ou mesmo antes quando o brasileiro Charles Miller se apaixonou pelo esporte ainda na Inglaterra.

Dos primeiros clubes, os primeiros torcedores tudo caminhou a tornar o futebol o esporte dos brasileiros. Há quem diga que o futebol nasceu para o brasileiro e vice-versa. Não é de se duvidar, se coube aos ingleses a criação do futebol, os filhos dessa terra se incumbiram de aperfeiçoar sua prática.

As conquistas da seleção e dos clubes e as dezenas de craques que surgiram em nossos gramados permitiram ao brasileiro sonhar. Ser bom no futebol colaborou para que o brasileiro superasse os estigmas de um país carente de vitórias e conquistas.

A paixão do brasileiro superou não só o Maracanaço como também a perda das copas de 1982 e 1986 quando a seleção brasileira presenteou o mundo com o que há de melhor no futebol, mas sucumbiu ainda nas quartas de final perante Itália e França respectivamente e ainda derrotas mais recentes como nas copas de 1998 e 2006 em que mais uma vez a França foi nosso algoz.

Como recompensa, viu nascer em nossos gramados Pelé, não só o maior jogador de futebol de todos os tempos, mas também aquele que levou a imagem do nosso futebol para todos os cantos do mundo.

Ao somar todos os fatores presentes nesse artigo, podemos ver que o futebol preencheu a lacuna que havia na área de atividades físicas e esportivas do brasileiro e por sua simplicidade se disseminou entre as camadas populares que viram nele a possibilidade de se destacar da multidão.  O futebol, ainda que com um início elitizado, não faz acepção de pessoas, é democrático, joga branco, negro, rico, pobre, novo ou velho; joga-se na rua, na praia ou gramados.

Através dele o brasileiro se sentiu capaz de conquistar, de vencer de ir além como cidadão, como Roberto daMatta descreve no livro A bola corre mais que os homens.

O futebol é importante não porque ele faça esquecer as mazelas e as mistificações rotineiras, mas porque a experiência com a vitória, com a excelência, com o esforço e o sacrifício coletivo, com o entregar-se de corpo e alma a uma camisa-causa, permite voltar ao trabalho com novas disposições. Se sou vitorioso na bola, por que não ser igualmente excelente no estudo, na arte e na atividade profissional?

Enfim o futebol deu a garotos pobres a possibilidade de se tornar ídolos nacionais, fez de um negro do interior, o atleta do século e escolheu Brasil para ser sua nação.

Aprenda a verdade sobre como fazer escova progressiva

Muitas garotas são fascinadas em cabelo. E quando o assunto é escova progressiva, tal fascinação é ainda maior, posto que uma progressiva bem feita proporciona um efeito surpreendente na pessoa.

Para quem pensa em fazer escova progressiva, precisa saber que a mesma só é indicada para cabelos ondulados e volumosos. Portanto, uma profissional, bem preparada, que sabe como fazer escova progressiva de qualidade, com certeza irá trabalhar para que todos os fios fiquem lisos, brilhantes e, é claro, com movimento.

como-fazer-progressiva

Periodicidade da aplicação

Além disto, uma escova progressiva precisa sempre ser refeita a cada três meses, o que não é o caso de uma escova definitiva, onde não há necessidade de estar sempre refazendo os fios.

Na verdade, a escova definitiva também proporciona um efeito liso, contudo, ela dá a impressão de algo mais chapado e que só sai conforme o cabelo vai crescendo.

Vale lembrar que a escova definitiva não é indicada para cabelo muito crespo, pois a mesma dá um efeito estranho, como se os fios formassem ondas artificiais.

Encontrar uma profissional que faça, de forma segura, uma escova progressiva ou escova definitiva não é tão fácil assim.

O grande perigo nessa história toda é que muitas garotas vêm buscando novas alternativas em sites que ensinam como fazer escova progressiva, de forma irresponsável.

O que complica não é, exatamente, buscar como fazer escova progressiva, mas sim fazer uso de produtos para progressiva que hoje são considerados altamente nocivos para a saúde.

Segundo a ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) a utilização de produtos para progressiva, como o formol, por exemplo, vem aumentando os casos de intoxicação e queimaduras no couro cabeludo. Por conta disto, muitos salões estão substituindo a substância por outros conservantes com efeito parecido.

O método para fazer – reais processos

metodo-progressiva

Considerando que muitas pessoas ainda buscam como fazer escova progressiva utilizando o tal formol, o mesmo procedimento, por parte dos salões, em controlar o teor dos produtos, também se dá para escova definitiva, feita à base de tioglicolato de amônia que corrige, de uma só vez, os cabelos rebeldes.

Agora, se você deseja saber os detalhes de como fazer escova progressiva ou escova definitiva é sempre bom conhecer os reais processos de como fazer escova progressiva, bem como o da escova definitiva.

Primeiramente, vale informar que saber como fazer escova progressiva é ter noção que a mesma irá agir somente na parte de fora do fio, sem modificar a sua estrutura, formando, assim, uma cápsula em volta dele.

Agora, quem se interessa em aprender escova definitiva, ao invés de descobrir como fazer escova progressiva, precisar ter conhecimento de como funciona os ativos responsáveis na abertura das cutículas dos fios, os quais penetram na fibra capilar, modificando a estrutura de dentro para fora.

Independente de como fazer escova progressiva ou definitiva é bom salientar que em um salão profissional, o preço pode variar de R$ 150 a R$ 400, em média, para a progressiva.

Já para a escova definitiva, os preços variam de R$ 400 a R$ 1,5 mil. Quanto ao retoque do trabalho, o custo médio será em torno de R$ 250 a R$ 600.

Ter domínio de como fazer escova progressiva, é estar ciente dos riscos, além de compreender que uma escova definitiva irá danificar menos os fios do cabelo, deixando-os com aspecto liso e chapado.

Já em relação à progressiva, o número de retoques é maior e o procedimento por si só danifica mais os fios, porém o resultado é mais impactante, pois um profissional que sabe como fazer escova progressiva deixará seu cabelo liso com aspecto mais natural, comparado com a definitiva.

A escolha de ambos os procedimentos irá depender do gosto e do quanto o seu bolso pode bancar um bom tratamento.

O importante é saber escolher alguém que realmente saiba como fazer escova progressiva ou escova definitiva com responsabilidade e depois, é só curtir o novo visual. Boa sorte na sua escolha!

Como baixar e instalar temas para seu celular: Simples e fácil

Baixar temas para celular. Os telefones móveis são o gadget mais popular, sem fio, que criaram o seu próprio valor nos corações das pessoas. Embora, as pessoas anteriores usado apenas para fazer chamadas, mas agora o tempo mudou.

A tecnologia tem vindo a colocar os seus esforços para dar-lhe características mais avançadas e olhar e, portanto, temos excelentes variedades de telemóveis mais recentes, capazes de satisfazer todas as necessidades de entretenimento e comunicação.

Há uma abundância de elementos de diversão no celular, como jogos, ringtones, temas, etc. temas móveis têm sido facilitando pessoas desde há muito tempo, pois tem o potencial de mudar a aparência geral do telefone celular. É o acessório mais popular de um telefone celular que está sendo usado por número de pessoas para fazer o seu telefone celular elegante e moderno.

temas-para-celular

Celulares como expressão de estilo

Sendo uma parte de sua declaração de estilo, os telefones celulares são apresentados com muita aplicação novo e moderno, de modo que ele pode criar um impacto sobre os outros. Por isso, os usuários móveis estão muito interessados em estilizando seu dispositivo em sua própria maneira original.

Essa é a razão por trás da rápida popularidade crescente de temas livres móvel. Esta aplicação permite aos usuários dar um olhar distinto para o aparelho. Esta é uma característica especial que inclui uma coleção de ícones e fotos com gráficos impressionantes. Os temas são usados para decorar e personalizar o telemóvel. Basicamente temas abranger muitas coisas que ajudam a dar os telefones celulares um olhar completamente novo.

Com a opção de baixar temas para celular, os usuários podem desfrutar de total liberdade para alterar as configurações com a ajuda de várias opções, incluindo tons de cor para realçada, coloridas e bonitas imagens de fundo para aplicações high-end. Este pacote de tema inclui principalmente gráficos de alta qualidade que os usuários podem alterar e redefinir com base em sua preferência. Ela não só fornece uma identidade distinta para os nossos telefones, mas também ajuda na alteração de algumas características proeminentes dos aparelhos.

Benefícios e Processo

processos

Os usuários são capazes de desfrutar de grande benefício de converter as suas imagens favoritas, fotos, clipes de desenhos animados, ilustrações e logotipos em temas atraentes móveis. Este processo não é de todo difícil, como um só precisa selecionar as imagens de sua escolha e, em seguida, consequentemente, ir para as configurações para alterar a aplicação. Apenas mudando a aplicação, podemos desfrutar de milhares de atributos elegantes em nossos dispositivos. Para estilizar os celulares tentamos usar temas de diferentes categorias. Com o uso eficaz de gráficos, cores viciosas e qualidade de som high-end estes temas estão recebendo enorme popularidade e resposta dos usuários.

Isto são aplicativos exclusivos estão sendo desenvolvidos apenas para que o celular particular. Estes são a prova da criatividade e, ao mesmo tempo que reflete a escolha e gosto dos usuários. Eles geralmente vêm com cada modelo como uma característica inerente. Também se desfruta a opção de baixar esse aplicativo incrível a partir da Internet.

Há um número de sites que ajudam a encontrar o atributo direito do seu gosto. Assim, pode-se facilmente fazer o download temas para celular de sua escolha. Dessa forma, você pode injeta uma vida para o seu celular sem vida. O que tende a mudar de acordo com a demanda dos clientes e atualizações do mercado.

Você está doente e cansado de o olhar aborrecido seu telemóvel tem? Se sim, então por que não embelezar seu aparelho adicionando depois de baixar temas para celular legais através do qual você pode embelezar suas imagens de fundo e aumentar a exibição de seu telefone celular.

Nesta sugestão muitas pessoas vêm-se com a pergunta o que exatamente são os temas de telefonia móvel e que propósito é que eles servem.

Se a mesma pergunta é persistente no momento em sua cabeça, não se preocupe, fornecido a você a seguir é uma visão completa sobre os diferentes temas e sua finalidade em um aparelho.

Em palavras muito simples que se referem o olhar universal de uma interface de usuário de telefones celulares, que inclui vários esquemas de cor, descrição de fundo e exibição de ícones. Há certos componentes gráficos também que estão incluídas nesta categoria.

Celulares como expressão de personalidade

Uma coisa a lembrar é que os temas móveis geralmente representam a personalidade da pessoa, também muitas pessoas usam temas móveis atraentes para atrair alguém. Um ótimo lugar para se alguns temas livres e realmente impressionantes são da internet, vários sites também oferecem opções de adesão para os usuários e atualizá-los sobre os temas mais populares e novos.

Assim como papéis de parede celular, temas de telefone celular também têm diferentes categorias, como esportes, carros, celebridades, modelos, natureza, etc. Você pode escolher entre estas categorias ou então passam a fazer o seu próprio costume um também com a ajuda de diferentes suave wares.

Temas móveis têm muito contribuiu para o avanço da aparência de um telefone celular. As pessoas estão realmente pagando mais atenção à forma como os seus telefones celulares olhar e sentir e com a ajuda de temas que têm um recurso através do qual eles podem incrementar o visual de seus telefones celulares

Novidades de temas para Telefone Celular

Todas as grandes empresas de telefonia também vimos como pessoas loucas estão atrás de temas, portanto, eles oferecem uma variedade de temas instalados nos telefones celulares durante a fabricação ele.

A popularidade dos temas móveis está aumentando dia a dia e para atender as necessidades das pessoas sites foram criadas, que oferecem temas livres. Todo mundo gostaria de adicionar um tema para o seu telefone celular seja um adolescente ou uma pessoa idosa cada um tem seu próprio gosto.

Para todos aqueles que podem acessar a internet a partir de seus aparelhos podem facilmente baixar temas para celular de vários temas desejados diretamente para seus telefones, sem aborrecimentos.

Trabalho em casa – Como ganhar dinheiro extra em casa

Trabalhar em casa é um sonho da maioria das pessoas que eu conheço, porém todas elas acreditam ser um sonho distante e se conformam com isso. Apesar de sempre conversar explicando que não está tão longe assim, não funciona muito bem.

Trabalho em casa, e ganhar um bom dinheiro por isso está ao alcance de quem quer isso de verdade e de quem está disposto a lutar com determinação e persistência por isso. No início as coisas podem não acontecer conforme nós sonhamos, mas é nessas horas que podemos ver quem realmente está disposto a tentar sempre que for necessário até conseguir chegar ao objetivo.

No início é provável que haja muitos erros até realmente deslanchar e conseguir ganhar dinheiro de forma efetiva. É preciso ter paciência e determinação para continuar até conseguir. Como eu expliquei nessa página aqui como eu trabalho, o que temos que fazer é estudar e colocar em prática e ir corrigindo os erros que naturalmente vão surgindo no meio caminho.

dinheiro com internet

Aprendizado e disciplina

Para iniciar sugiro fazer um curso de qualidade para saber como trabalhar da forma correta, assim você economizará muito tempo de estudo e procura por um bom conteúdo.

Eu fiz o curso Fórmula Negócio Online e sempre estou recomendando por aqui por ser um curso que ajuda quem está começando do zero e sem a necessidade de gastar muito dinheiro para investir logo de início. Hoje, estou conseguindo uma renda média de R$4000 e tudo isso fruto de muito esforço e estudo através do curso do Alex Vargas. Se você quiser conhecer o curso completo e ver o que ele oferece clique aqui para dar uma olhada.

Para trabalhar em casa como afiliado é MUITO importante ter disciplina. Porque por estar em casa todas as “tentações” como a TV, vídeo game e etc estão por perto, e a procrastinação é muito provável de acontecer se você não estiver disciplinado.

Trace metas semanais e desmembre para metas diárias, assim você terá o que alcançar naquele dia. Tenha foco e desligue-se de tudo que possa comprometer o andamento de sua produção.

Muitas pessoas me perguntam qual curso eu fiz para conseguir chegar a essa renda que eu tenho hoje de 4 mil reais. Caso você também queira saber, o curso você pode ver clicando nesse link aqui.

Existem ainda outras formas

A internet é vasta de possibilidades, pela sua grande e número de pessoas que existem nessa rede. Por isso dizem que a internet é “um mar azul”, onde há espaço para todas as ideias e processos envolvendo o ganho de dinheiro.

Apesar disso e das formas mais inovadoras que nem mesmo eu conheço, vou te contar algumas mais famosas:

Essas são algumas mais conhecidas e que realmente funcionam. O que precisamos mesmo é ter alguns cuidados na hora de escolher o site/plataforma que vamos dedicar nosso tempo e nosso dinheiro para tentar gerar renda.

Por exemplo, se o plano for tentar ganhar dinheiro na internet clicando, sua escolha deverá ser o Neobux (Neobux é confiável?). Assim suas chances de sucesso são bem maiores. Caso queira trabalhar com afiliados, existe Hotmart, Eduzz, Monetizze e outras.

Casa bonita e jardim bem cuidado – É possível?

Todo mundo diz, e de fato é verdade, que um jardim bonito e colorido é o grande segredo de uma casa bonita e elegante. O problema, entretanto, é conseguir chegar a esse nível sem parecer um tanto quanto forçado.

Algumas dicas de flores e plantas nessas horas são primordiais, mas mais importante que isso é saber montar e cuidar delas. Não é todo mundo que se atenta ao fato de que uma flor bem cuidada é uma flor bonita, independe de qual seja ela.

Por isso criamos esse artigo. O intuito de nosso site sempre foi ajudar, e por isso trazemos as mais variadas dicas dentro dele. Hoje falaremos sobre algumas espécies de plantas (e flores) bonitas e que podem ser facilmente cultivadas até que cheguem ao seu ápice de beleza.

design de interior

O primeiro passo

Antes de qualquer coisa, é preciso definir o espaço em que elas irão ser colocadas. A cor da sua parede, ou seja, lá qual for o fundo que elas ficarão, é muito importante para o destaque das folhas.

Não adianta colocar a mais linda flor dentro de um cômodo se ela não conseguirá ter todo o destaque necessário, ou pior, se ela “se camuflar” com a parede. Apesar de parecer algo óbvio, é surpreendente a quantidade de pessoas que não se atentam a isso. Portanto, este erro já não será mais cometido por você.

O segundo passo

Tendo bem definido o primeiro passo (releia se for necessário), precisamos agora entender quais são os principais tipos de plantas para decorar sua casa. Algumas são mais comuns, como as orquídeas, mas que produzem um efeito e aparência de extrema elegância.

Particularmente, os cuidados com orquídeas devem ser bem delicados – um pouco mais que normalmente se dá com rosas, por exemplo. A luz que esse tipo de planta tem que receber é bem peculiar – ela não pode ficar localizada em lugar totalmente escuro, porém também não pode receber luz sol diretamente por um longo período de tempo.

como cuidar de orquideas

Nem sempre é fácil acertar o ponto exato de algumas espécies, porém é extremamente importante, e recomendado, que nos atentemos aos cuidados que elas demandam para executar em nossas casas.

Conclusão

Como foi dito no primeiro parágrafo desse texto, deixar o ambiente florido é um dos passos mais importantes para dar elegância e comodidade. Isso não quer dizer que seja uma tarefa fácil e muito menos que pode ser realizada por qualquer pessoa.

Um tempo de estudo e pesquisa é necessário, mas valerá cada segundo perdido com isso, pois o resultado será realmente gratificante.

Alguns sites, como o Simples Decoração, se dedicam exclusivamente sobe design de interiores e como decorar seus cômodos, com ideias incrivelmente interessantes e facilmente executáveis. Realmente vale a pena dar uma lida em todas as dicas e ideias!

Como ganhar dinheiro importando e revendendo roupas

Apesar do dólar não parar de subir e estar alcançando valores nunca atingidos anteriormente na história, será que importar e revender roupas ainda é um bom negócio?

Muitas pessoas têm mandando essa pergunta (através do nosso formulário de contato), e iremos fazer o máximo para explicar que ainda é uma ótima opção de conseguir um dinheiro extra – ou até mesmo viver disso, depende de sua mentalidade e esforços.

Por que ainda vale a pena?

importar e revender

Como a maioria dos produtos, os importados também subiram seus preços. A lógica disso é até um pouco óbvia – o preço de importação também subiu. Nenhum lojista quer levar prejuízo na hora de vender seus produtos, e como não há maneiras de diminuir o preço de importação, ele acaba subindo o preço de revenda.

Olhando a situação em que o país se encontra, não é nada absurdo. Produtos essenciais, como alimentos básicos (arroz, feijão, carne) têm subido o valor de compra a cada dia. Imagine só então produtos supérfluos, como camisetas e roupas de marca. Vai subir ainda mais!

Talvez essa lógica até favoreça o lojista, uma vez que pode ter um lucro ainda maior e colocando a culpa na crise em que o país vive. Lembre-se que sempre há consumidor para esse tipo de produto. Principalmente, há pessoas que não estão sentindo tanto a crise e nunca se importaram muito com o dinheiro – muitas vezes, uma coisa não exclui a outra.

Dica: Existem muitos sites onde você pode comprar roupas para revender com preços muito baixo. Recomendamos o artigo do link a seguir onde pode encontra um completa lista de sites de roupas importadas (https://www.importarroupas.net.br/sites-para-compras-de-roupas-importadas-baratas/). Espero que essa dica ajude.

Investimento necessário para começar

Caso você tenha um emprego fixo e tenha disponibilidade de começar a investir, recomenda-se que comece por um curso de importação. Se você realmente quer revender roupas, o investimento em conhecimento é o mais importante nessa hora. Existe um curso sobre como começar, você pode ler mais no site quero revender roupas.

Não é simplesmente começar a importar de sites como http://pt.aliexpress.com/br_home.htm. É preciso ter sites seguros e que ofereçam produtos originais. Dessa forma, você poderá revender com segurança e ir aumentando aos poucos o número de clientes – e sua renda também.

Se você não tiver dinheiro para investir em conhecimento, as coisas ficam um pouco mais complicadas, uma vez que importar barato e revender caro não é todo mundo que sabe. Há algumas informações de graça na internet, mas você terá que aprender algumas coisas “na marra”, o que pode atrasar um pouco seu retorno sobre o investimento – o tão falado ROI.

Devo arriscar?

Com certeza sim. Quando eu comecei, tinha muitas dúvidas sobre esse mercado também e hoje fico muito feliz de fazer parte dele. Além de conseguir revender produtos importados, eu sei a melhor forma e os melhores lugares de comprar para mim também. Hoje pago muito menos pelas roupas de marca que uso, relógios e etc.

Se eu pudesse te dar um conselho, seria esse: comece o quanto antes, o famoso “feito é melhor que perfeito”!

Como aprender alemão totalmente online?

Tem vontade de aprender alemão, mas está sem tempo ou não pode gastar muito com um curso de idiomas? Descubra como aprender alemão online.

Não é brincadeira. Você pode aprender alemão pela internet sim. Só tem que ter disciplina e acompanhar o curso como se estivesse em uma sala de aula. Esqueça as distrações para poder aprender alemão online.

Alemanha - Aprender alemão

Mas como aprender alemão online?

Há sites e aplicativos de celular para quem deseja aprender alemão sem sair de casa, ou na rua, ou na casa dos amigos. Em qualquer lugar. Confira as dicas.

  • Busuu

O Busuu é um aplicativo de idiomas bastante completo. Ele oferece diversos idiomas. Se você quer estudar alemão, ele pode ser uma excelente opção. O aplicativo oferece muitas ferramentas de estudo, como vocabulário e atividades para serem feitas. O legal é que ele te prende, uma vez que você estuda de acordo com a área de interesse. Ele tem temas do nosso cotidiano.

Se já fez alemão antes ou não, não tem problema. É só fazer o teste de nivelamento no próprio Busuu. E não é complicado de mexer. O aplicativo é bastante intuitivo. Para quem vai viajar, ele oferece também um curso de viagens.

O Busuu tem a versão de graça e a versão paga, mas você pode ficar satisfeito com a gratuita também.

  • Duolingo

No nosso idioma, não há disponibilidade de fazer o alemão no aplicativo Duolingo. Apenas as opções inglês, francês e espanhol. Mas, caso você já tenha um bom conhecimento no inglês e queira se aventurar a aprender um novo idioma, o alemão está disponível para o aplicativo em inglês.

Com o Duolingo, você pratica o alemão sem parecer que está estudando. É como se fosse um jogo, um desafio. Mesmo tendo uma cara divertida, ele tem recursos profissionais e te faz praticar o idioma como um todo, tanto a leitura quanto a interpretação e a pronúncia.

  • Livemocha

O Livemocha (www.livemocha.com) é um site que propõe aprender em comunidade. Você ajuda e será ajudado. O site reúne estudantes de idiomas de diversos países do mundo que trocam conhecimentos. O diferencial é que você vai aprender o alemão, e suas lições serão feitas e corrigidas por um alemão nativo do idioma. E por que ele fará isso? Porque ele deseja aprender também um novo idioma.

O que achou das nossas dicas de como aprender alemão online? São opções interessantes e divertidas que vão te estimular a estudar o novo idioma e alcançar seus objetivos.

  • Aprender Alemão Sozinho

O Aprender Alemão Sozinho (aprenderalemaosozinho.com) é um site relativamente novo. O foco dele é realmente dar um caminho para que as pessoas possam aprender alemão de maneira fácil e totalmente online. Claro que o serviço tem um preço, diferentes de outras alternativas gratuitas, porém é muito bem recomendado. Não custa dar uma conferida para ver do qual método se adéqua melhor às suas expectativas.

Como encontrar o dispositivo perfeito para você

Com tantas opções de mercado e a crescente produção em massa de dispositivos – seja tablet ou smartphone – fica cada vez mais complicado achar a melhor opção para seu bolso e seu gosto. Esse artigo será feito justamente para isso: te auxiliar na hora de escolher seu Gadget.

Primeiramente, vamos separar os dois, pois apesar de possuírem muitas características em comum, ainda tem suas diferenças que devem ser levadas em consideração na hora da compra. Segundo, você precisa decidir se está disposto a pagar por apenas um dos dois ou ainda os dois. Isso é importante para estabelecermos a base de preço na hora da compra.

Tablet perfeito - Desempenho e funcionalidades

O que olhar na hora de escolher um Tablet?

Não falaremos de preço, por enquanto. A questão que se quer abordar é quanto à qualidade e usabilidade do dispositivo. Qual será seu uso? Se for para leitura, por exemplo, é recomendado que se tenha uma tela maior e não precisa de tanto desempenho. Se for para jogos, é recomendado muito desempenho e um formato que “se encaixe” na sua mão. O que queremos dizer aqui é que você precisa estabelecer essas questões antes de sair atrás de um Tablet. Se não fizer isso, pode acabar pagando caro em um dispositivo que não te atende.

Claro que é possível encontrar tablets baratos e bons, que poderão te atender em qualquer situação e ainda pagando um preço justo por isso. O que podemos te recomendar nessa hora é que encontre um vendedor de confiança para fazer sua compra, ele saberá te orientar da melhor maneira possível.

smartphone-perfeito-desempenho-funcionalidade

O que olhar na hora de escolher um Smartphone?

Claro que quem procura um smartphone procura todas as funcionalidades que ele possui: conexão com a internet (3G ou 4G), desempenho para jogos, conexão GPS e entre outras funções.

Aqui é um pouco mais complicado de analisar, porque seus “desejos” podem mudar ao longo do tempo – seja em busca de desempenho, de uma tela maior, de conexão com a internet mais rápida e assim por diante…

O que se recomenda nessa hora é comprar um celular Android barato e bom , em que você não paga tanto e recebe um desempenho muito considerável me seu aparelho. Claro que se você possui dinheiro suficiente para investir em dispositivos mais caros, fique à vontade, também é uma excelente opção, uma vez que um smartphone nesses termos durará anos sem ser afetado pelas atualizações que o deixam pesado e lento.

Caso você não goste das opções Android apresentadas, temos outra lista de smarphones bons e baratos. Veja o que for melhor para seu bolso e em questões de desempenho que você necessita.

O que não podemos deixar de notar é que se você está procurando um celular novo para comprar, então talvez o velho esteja com problemas, certo? Se for o caso, temos um artigo muito interesse que lhe pode ser útil e acabar resolvendo o problema do seu celular velho: Por que meu celular não funciona? O que pode ter acontecido?

Problemas com seu celular: O que pode ser?

É realmente muito comum presenciarmos problemas com os dispositivos eletrônicos ou com qualquer aparelho tecnológico produzido hoje em dia. Basta nos atentarmos a um fato: Ele foi feito por pessoas e pessoas também deixam, algumas vezes, um probleminha passar ou se esquecem de algo na hora da montagem. É normal.

Geralmente os problemas são causados pelo próprio usuário sem que ele perceba. Como o foco deste artigo é falar sobre celulares, vamos dar uma ideia geral e depois focarmos no dispositivo móvel.

problemas com celular

O que meu celular pode ter de errado?

Primeiramente temos que analisar qual é o problema que ele apresenta e depois, mais para frente, falaremos da solução. Vamos lá?

  • Ele não liga: Aqui as coisas se tornam um pouco mais complicadas, uma vez que não é possível nem ligar o aparelho para tentar remover ou alterar alguma configuração que fez com que ele desse problema.
  • Ele não para de travar: Dependendo do caso é relativamente simples de resolver. Entretanto, se o que propormos nesse artigo não resolver o problema, sinto muito lhe dizer, mas está na hora de trocar o aparelho.
  • Ele não recebe mais conexão: O problema pode estar em algumas peças internas e é relativamente fácil, para quem sabe e tem as ferramentas necessárias, para trocá-las.
  • Ele está muito lento: Aqui temos mais ou menos a mesma solução que o problema de travamento, assim como suas consequências, ou seja, se não resolver, está na hora de trocar o aparelho
  • Perdi a senha de bloqueio: Título autoexplicativo e isso raramente acontece, uma vez que você usa a senha a quase todo o momento, mas se caso acontecer, temos a solução que pode te ajudar.

Solucionar problema

Quais são as soluções recomendadas para cada problema?

  1. Se seu celular não ligar mais, muito provavelmente o problema está na bateria e, se for mesmo isso, você precisa trocá-la em alguma loja autorizada ou assistência técnica. Você pode tentar algumas coisas ainda, como ligar o celular no computador. Acredite, isso já funcionou comigo quando meu celular não ligava de jeito nenhum.
  2. Se o problema é o travamento, o mais recomendado é, primeiramente, fazer uma verificação de vírus. Há alguns antivírus que são muito bem recomendados e devem ser levados em conta nessa hora, como o Psafe. Se isso ainda não resolver seu problema, considere passar um limpador de arquivos desnecessários como o CCleaner – ele pode limpar a memória RAM também.
  3. Problemas de conexão só poderão ser resolvidos através da troca da antena que capta, seja a conexão móvel ou wifi.
  4. Neste caso, você pode executar os mesmos passos do problema 2, ou seja, alguns programas de limpeza de memória e antivírus.
  5. Esse problema é realmente complicado e muito difícil de ser revertido. O que podemos tentar aqui, e que já funcionou algumas vezes, é dar um hard reset em seu celular. Você pode aprender a fazer isso aqui: techtube.com.br/como-desbloquear-celular-lg-tutorial/

Não teve jeito e precisa comprar um celular novo? Demos algumas dicas de como escolher um bom celular de acordo com suas necessidades!